Conheça os itens fundamentais de segurança para piscinas!

 

A segurança nas piscinas é essencial, tanto que existe uma lei tramitando sobre o que é obrigatório para isso. Esse projeto de lei torna obrigatório a instalação de dispositivos que evitem enlace e sucção de cabelos ou membros do corpo pelo ralo. Também está estabelecido que a área da piscina deve ter piso antiderrapante e outras especificações.

É dono de hotel ou resort ou administra uma piscina e não obedece nenhuma dessas obrigatoriedades ou desconhecia o assunto? Então está na hora de adequar-se ao uso correto da segurança para piscinas! Confira, a seguir, as nossas dicas!

Tome cuidado com ralos de sucção

Os casos de acidentes com ralo de sucção são inúmeros e relativamente comuns. Em geral, a maioria é relacionada a sucção de cabelos, joias ou roupas que ficam presas ou enroscadas no ralo. Todo o cuidado é pouco com essas áreas e uma recomendação é sinalizar a localização das áreas de sucção na piscina.

Outra dica importante é instruir os usuários da piscina do possível risco de sucção de cabelo e afins durante a utilização da piscina. Além disso, é preciso investir em equipamentos que evitem esse tipo de problema como o disposto anti sucção de piscinas power flow ou a tampa FSB.

Pratique medidas de segurança na piscina

Existem diversos tipos de medidas que devem ou podem ser praticadas, mas algumas têm um peso maior em relação a outras. Crianças são 8 vezes mais prováveis de se afogarem que outros grupos. Logo, elas devem ser alvo de medidas educacionais e também de piscinas com tamanho e estrutura apropriada para evitar possíveis problemas de afogamentos.

A principal medida, que vale para todos os grupos, é especificar normas essenciais para o uso das piscinas e quais os possíveis riscos se elas não forem seguidas. Isso educa os usuários e também minimiza possíveis problemas de quem é dono ou administra a piscina.

Esteja em alerta sempre

Pode parecer exagero, mas não é. Estar sempre em alerta é necessário para evitar problemas graves, seja em uma piscina privada, seja em uma pública. É sempre melhor prevenir do que ter que arcar com as consequências depois. Mesmo tomando as devidas precauções, tenha sempre em mãos um kit de primeiros socorros para eventuais acidentes ou pequenas lesões.

Não se esqueça de dispor sempre de boias e similares para os frequentadores da piscina e também de um telefone caso seja necessário fazer uma chamada para emergência. Fique atento para essas medidas de segurança para piscinas!

Proteja a área da piscina

Esse é um dos pontos mais importante para a manutenção da piscina e também para a proteção contra possíveis acidentes. Deve-se instalar equipamentos de segurança por toda a área da piscina, como o piso antiderrapante, as capas de proteção e alarmes.

Essas são atitudes simples que evitam grandes problemas de diferentes espécies. Também vale evitar deixar brinquedos perto da piscina após o uso, visto que isso acaba por atrair as crianças e pode causar um possível afogamento. 

 

 

Fonte: poolrescue

Leave a Reply